terça-feira, 28 de agosto de 2012

Kodak abandona ramo da fotografia



Depois de interromper produção de câmeras digitais, empresa não irá mais fabricar filme nem papel fotográfico
SÃO PAULO – A Kodak vai sair do ramo da fotografia. Em comunicado oficial, a empresa anunciou que não vai mais fabricar papel fotográfico nem filme para câmera.
Em fevereiro, a Kodak descontinuou a produção de câmeras digitais, na tentativa de reduzir perdas depois da falência decretada em janeiro. A fabricação de porta-retratos digitais também foi interrompida.
O prejuízo da empresa totalizou US$ 665 milhões no primeiro semestre do ano.
Para estancar a sangria financeira, a empresa colocou à venda mais de 1.100 patentes relacionadas à imagem digital. Empresas como Google e Apple estariam entre os possíveis compradores.
Mas o valor que o mercado estaria disposto a pagar pelas patentes não passa de US$ 500 milhões. A Kodak esperava levantar US$ 2,6 bilhões com a venda
Fonte: Estadão

Nenhum comentário:

Postar um comentário