quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Fotógrafo Guillermo Kahlo

Kahlo lembrou alguém?

Sim hoje vamos falar do fotografo Carl Wilhelm Kahlo,  o pai da Frida Kahlo. Carl Kahlo nasceu na Alemanha em 1872, filho do pintor e joalheiro húngaro Jakob Heinrich Kahlo e sua esposa, a judia alemã Henriett E .Se mudou para o México com seus pais aos 18 anos de idade quando resolveu mudar seu nome para Guillermo Kahlo que em espanhol equivale ao germânico Wilhelm.

Em 1901, abriu um estúdio fotográfico onde vendia seus serviços fotográficos com especialidade em  fotografias de  edifícios, interiores, fábrica e maquinaria. Viajou pelo México para fotografar igrejas monumentais sob encomenda do governo à celebração do Centenário da Independência. Anos mais tarde se tornaria fotógrafo industrial, tendo como principal cliente a Fundição de Monterrey. Suas últimas fotografias foram feitas 5 anos antes de sua morte, em 1936, e registram edifícios construídos com aço de Monterrey, a primeira siderúrgica da América Latina. As fotos de indústria ficaram nos arquivos das empresas e ilustraram alguns anúncios, as de igrejas foram reunidas e arquivadas pelo governo em seis álbuns que não chegaram a ser vendidos.

As fotografias que fez de sua família e de sua filha Frida mostra a sensibilidade que Guillermo tinha para criar retratos, mas estas fotografias não tinha pretensão de publica-las. 


Kahlo que apresentou a pintura e a fotografia para Frida e em uma das fotos de família ele retratou sua filha querida pintando seu autorretrato.


As irmãs Kahlo Calderón. Da esquerda para a direita: Cristina, Adriana, Matilde e Frida, com 10 anos. Foto: Guillermo Kahlo.
Frida Kahlo, 16 de outubro de 1932. Foto: Guillermo Kahlo.

Guillermo Kahlo. Autorretrato.

Frida aos dois anos. Foto: Guillermo Kahlo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário